A História de Nossa Senhora de Loreto em Itaguajé

Publicidade

A primeira igreja de Itaguajé foi construída em 1610, na foz do rio Pirapó e foi dedicada a Nossa Senhora de Loreto. Foi também a primeira igreja do Brasil a ser dedicada à Nossa Senhora de Loreto.

A Igreja foi construída pelos Índios Guaranis e pelos padres Jesuítas Italianos Simon Maceta e Giuseppe Cataldino. Era de taipa e coberta com telhas goivas. Foi dedicada à senhora Loretana, pelo fato de que Santo Inácio de Loyola, o fundador da companhia de Jesus, era um grande devoto da Senhora Loretana.

No mesmo local foi fundada a primeira redução Jesuítica Espanhola do Brasil. Alguns anos depois, o padre Antonio Ruiz de Montoya, viria a conceber o primeiro livro escrito no Brasil: El tesoro de La lengua guarani.

É por essa razão que Nossa Senhora de Loreto é muito importante para o povo Itaguajeense. Ainda que Nossa Senhora seja uma só, (a virgem santíssima e mãe de Jesus). Nossa Senhora de Loreto foi a primeira grande protetora do município.

Histórico

Trata-se de uma imagem encontrada dentro da casa da Sagrada Família. De acordo com o historiador Padre Giuseppe Santarelli, a casa da sagrada família foi primorosamente preservada desde os primórdios do Cristianismo.  Os judeus cristãos, construíram uma Igreja em forma de sinagoga para proteger a santa casa, já por volta do 2º ou 3º século d.C. Já os Bizantinos, depois do 5º século, construíram uma Basílica muito maior e mais suntuosa em substituição à antiga Igreja Judaico Cristã.

Nos séculos XI e XII os cruzados franceses construíram a monumental basílica da Anunciação. E dessa forma a casa sagrada foi muito bem preservada durante os séculos, tendo sido local de peregrinação dos cristãos em Nazaré.

O Grande Milagre da Translação

Por ocasião da invasão da Terra Santa pelos muçulmanos, a Santa Casa simplesmente desapareceu.  Ela teria sido transportada por um facho de luz (versão da idade média) ou pelos anjos do senhor, (versão mais recente), e levada até a Croácia (Tersatz, na Dalmácia, perto do mar Adriático, há milhares de quilômetros de Nazaré).  Foi nessa ocasião que o bispo Alexandre de Modruzia, estava muito doente e recebeu a visita de Maria Santíssima, que o curou imediatamente e lhe comunicou que aquela casa era a casa da Sagrada Família. Especialistas foram enviados à Terra Santa para comprovarem o depoimento do religioso e de fato, só encontraram em Nazaré, os alicerces da Santa Casa.    Porém, três anos depois, os anjos (ou um facho de luz) a transportaram para a Itália, localizando-a em uma colina perto da cidade de Recanati, província de Ancona, em uma floresta pertencente a uma senhora chamada Lorette ou Loreta. Pouco tempo depois os anjos levaram a Santa Casa para uma colina acima de Loreto e a colocaram em uma propriedade que pertencia a dois irmãos. Como estes principiaram discussão sobre a quem pertenceria a casa, finalmente na noite de 9 para 10 de dezembro de 1294 os anjos realocaram a Casa Santa, alguns metros além do campo dos dois irmãos, sobre uma antiga estrada pública, onde se encontra até hoje.  Diz-se que a região onde a casa foi colocada milagrosamente, era um bosque de louros. Assim, passou-se a se dizer de uma imagem encontrada na casa do bosque dos louros, ou seja, a Nossa Senhora do campo de louros; Nossa Senhora dos louros: Nossa Senhora de Loreto.

Comprovação Arqueológica

A casa da Sagrada Família, em sua construção original, era composta de duas partes. Uma parte escavada diretamente na rocha, e logo adiante, três paredes de pedra que completavam a residência. Somente as três paredes foram transladadas, sem a caverna e nem mesmo o alicerce, mas preservando um altar, porta e janela.; onde a janela é chamada “janela do Angelus”, por onde o arcanjo Gabriel teria entrado e feito a anunciação. No século XX, foram feitas pesquisas arqueológicas, geológicas e arquitetônicas e concluíram que:

  • A Casa Santa está acomodada sobre o chão, sem nenhum alicerce, o que é muito incomum.
  • As proporções da casa de Loreto coincidem exatamente com os alicerces que ficaram em Nazaré, onde hoje há a basílica da Anunciação.
  • Ficou comprovado que se trata de uma casa típica da palestina do primeiro século.
  • As pedras são idênticas às usadas na palestina no tempo de Jesus, (estilo Nabateu) inexistentes na Itália.   -Também as pedras do altar tem o mesmo estilo Nabateu e coincidem com as pedras palestinas.
  • A porta é de cedro, madeira comum na palestina.  -A massa que liga as pedras é composta de sulfato de cálcio, e pó de carvão, muito usado na Palestina, mas na Itália era totalmente desconhecida na época.  -Nas paredes da casa santa em Loreto, existem ainda diversas gravações datadas do 1º ao 3º século e são iguais às inscrições encontradas na terra santa, como a cruz com duas barras, o quadrado em “T” e as iniciações de “Jesus” em Hebraico.

Comprovação Religiosa

Muitos foram os Papas que confirmaram a verdade histórica da Casa Santa: Sisto IV, Leão X, Sisto V, Clemente IX, Inocêncio XII, Paulo II, Júlio II, Paulo III, Paulo IV e outros tantos. Bento XIV, especialista em diferenciar o natural do supranatural, também confirmou, por volta de 1750, a veracidade milagrosa do translado da Santa Casa.

Porque venerar Nossa Senhora de Loreto em Itaguajé? 

Uma das pessoas que fez peregrinação até Loreto foi Santo Inácio de Loyola, fundador da Companhia de Jesus, de onde saíram os Jesuítas que chegarem em Itaguajé em 1610, e deram o nome de Redução Jesuítica de Nossa Senhora de Loreto, à sua

primeira redução. Portanto, a primeira igreja dedicada à Nossa Senhora de Loreto no Brasil, foi a Igreja Jesuítica de Itaguajé.  Nossa Senhora de Loreto, foi venerada em Itaguajé, por índios e Jesuítas durante mais de duas décadas. No século XIX, o local foi renomeado para Nossa Senhora do Loreto do Pirapó, mas continuou Nossa Senhora do Loreto. Por isso devemos venerar Nossa Senhora de Loreto em Itaguajé, para dar continuidade ao trabalho missionário corajoso, heroico e divinamente cristão dos padres Jesuítas que aqui estiveram. Assim estaremos aumentando nossa veneração à Maria Santíssima, afinal, Nossa Senhora é uma só.

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DE LORETO

Ó virgem imaculada, é com viva fé que meditamos nos grandes mistérios que se realizam nesta tua casa de Nazaré, tão pobrezinha, transportada pelos anjos para as colinas de Loreto. Entre estas sagradas paredes, onde Tu foste concebida sem pecado,      e adolescente vivestes da oração e do amor, o anjo te saudou chamando-te Cheia de Graça. Tu, respondestes com as milagrosas palavras que abriram o Céu e fizeram descer o Salvador do mundo. Junto a São José, na contemplação da palavra encarnada, na humildade e no trabalho, aqui serviste o Senhor, preparando o teu espírito para o grande sacrifício; com teu filho, terias oferecido no Calvário, a ti mesma, para se transformar em Mãe de todos os homens, remidos pelo sangue de Jesus. Depois de termos vivido em nossas casas na graça de Deus, como Tu o fizeste na sua, longe do pecado, obedientes à lei e a vontade divina, concede-nos ó Maria, que possamos um dia, morar na casa do Senhor, contigo, por toda a eternidade. Nossa Senhora de Loreto, rogai por nós. Amém.