Fomento Paraná tem soluções de crédito para bares, restaurantes e todo o trade turístico

Publicidade

O turismo possui uma capacidade imensa de gerar empregos, divisas e receitas e tem a vantagem de ser considerada uma “indústria” limpa, porque hotéis, restaurantes, parques e outras estruturas provocam menos impactos no meio ambiente do que outras atividades. Por isso o turismo é foco de atenção e investimentos de governos e empresas em todo o mundo e no Brasil crescia em ritmo acelerado até o ano passado.

Essa realidade mudou drasticamente em 2020, impactada pelas medidas de prevenção ao avanço da covid-19. O fechamento de fronteiras, com suspensão de voos e cancelamento de eventos, shows, fechamento de parques, bares, restaurantes, danceterias, museus, teatros e cinemas afetou sobremaneira toda a cadeia produtiva do turismo.

Passado o momento mais crítico da pandemia, é preciso retomar as atividades em todos os segmentos, com investimentos em novas estruturas e melhorias ou adaptações nos espaços e equipamentos já instalados, para atender a protocolos sanitários recomendados.

A expectativa do Ministério do Turismo é de um retomada gradual das viagens e que o turista irá procurar por estabelecimentos que assegurarem o cumprimento de protocolos e requisitos de higiene e limpeza, criando destinos seguros e preparados para atender um novo perfil de turista pós pandemia.

Aqui entram instituições como a Fomento Paraná, que dispõe de soluções de crédito para apoiar empreendimentos de todo o trade turístico, em especial os bares e restaurantes, que compõem um volume significativo de empresas do segmento.

A Fomento Paraná é agente financeira do Fungetur – Fundo Geral do Turismo, e com isso criou a linha Fomento Turismo, com créditos de até R$ 2 milhões para investimentos e até R$ 500 mil para capital de giro. Os prazos variam de 48 a 120 meses, conforme o investimento. A taxa de juros é de 0,65% ao mês (base outubro 2020, com atualização pelo INPC). Colocamos também à disposição dos empreendedores desse segmento o Fundo de Aval Garantidor da Micro e Pequena Empresa (FAG), que garante até R$ 640 mil em operações de crédito de até R$ 800 mil reais nessa linha, substituindo a necessidade de garantias reais até esse valor.

Os estabelecimentos precisam estar no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos, que é gratuito. Muitos empreendimentos que atuam no segmento inclusive desconhecem que podem fazer parte do Cadastur e obter benefícios.

A Abrasel-PR, entidade que representa bares e restaurantes no Paraná, é parceira da Fomento Paraná como correspondente de crédito para orientar operacionalizar financiamentos da linha Fomento Turismo para apoiar empreendimentos associados desses segmentos.

Para mais informações acesse o site da Fomento Paraná ou acesse nosso WhatsApp (41) 99938-9215, ou ainda entre em contato com a Abrasel-PR (Avenida Senador Souza, 148, Alto da XV. (41) 3029-4244 – www.pr.abrasel.com.br).”