O conceito de hotelaria “Gralha Azul” foi inspirado, como o próprio nome revela, no pássaro Gralha Azul, que é a ave símbolo do Paraná. Trata-se de uma ave de médio porte, mas com muitos predicativos, sendo que esta possui uma bela coloração azul reluzente e tem ampla distribuição geográfica. Devido a seus hábitos e a sua beleza natural ela é muitas vezes mencionada em contos, lendas, música e arte.

Conta uma lenda que a Gralha-Azul é um pássaro previdente. Em tempos de abundância ela colhe especialmente os pinhões do pinheiro Araucária e os enterra para a época de escassez, sendo assim ela é capaz de plantar até 3.000 pinheiros por hectare. A Gralha Azul é um agente dispersor de sementes e desta forma exerce um papel de proteção ambiental nas regiões onde vive. Depois dos papagaios, araras e periquitos, as gralhas apresentam o maior índice de aprendizagem, demonstrando uma inteligência surpreendente. Por intermédio de sua complexa organização social, as Gralhas realizam a busca de alimento em grupo, sendo que a própria busca tem, peculiarmente um caráter recreativo. Preferencialmente a Gralha Azul opta pela na coroa central das Araucárias para a construção de ninhos, ou seja, o pássaro constrói seu confortável ninho em uma localização estratégica.

Acreditamos que o bom atendimento deve ser fundamentado em “planos” e “estratégias” cumulativas como a qualidade, a competência, sustentabilidade, a boa relação custo-benefício e, sobretudo, o interesse em servir melhor. O conceito hoteleiro é inspirado neste exemplo de harmonia, beleza, graça, trabalho, recreação, localização estratégica e preocupação ambiental e social. Inspirando-se numa relação de harmonia e inteligência, esperamos poder plantar a semente do contentamento, gerando o almejado fruto da satisfação.

Galeria de fotos