Ministério do Turismo incentiva municípios a fazerem parte do Mapa Nacional do Turismo

Publicidade

A Rede de Turismo Regional (RETUR) trabalha no desenvolvimento do turismo na região noroeste do Paraná há 20 anos. Nesse tempo, a entidade, em parceira com as prefeituras locais, fomenta a ampliação do Mapa Nacional do Turismo, instrumento importante para acompanhar o desempenho da economia do turismo nos municípios e também como balizador de políticas do setor e direcionamento de verbas federais.

A partir de 2019, um dos critérios do Ministério do Turismo para fazer parte do Mapa Nacional do Turismo será a existência de um Conselho Municipal de Turismo ativo. O Conselho Municipal de Turismo é um colegiado de entidades representativas da comunidade e do setor público e tem como responsabilidade assessorar na definição e implementação das políticas municipais de turismo. É um importante canal de participação popular encontrado nas três instâncias de governo (federal, estadual e municipal), que permite estabelecer uma maior interação do Poder Público com a sociedade civil.

De acordo com Wanda Pille, presidente da RETUR, o Conselho Municipal de Turismo é essencial para a promoção e estruturação do turismo nos municípios. “Ele serve como espaço de discussões e de desenvolvimento de propostas condizentes com a realidade local”, explica.

Para auxiliar os municípios no entendimento desse novo ciclo, o Ministério elaborou uma cartilha com orientações técnicas para a Criação de Conselhos Municipais de Turismo. No documento (que pode ser baixado pelo link: http://www.turismo.gov.br/images/14_05_18_mtur-orientacao_tecnica_criar_conselho-municipal.pdf) são destacadas algumas informações sobre as definições, atribuições e atividades de um Conselho Municipal de Turismo e, na sequência, como é formado e constituído.

Dúvidas e orientações podem ser sanadas pela RETUR através do e-mail: returpr@gmail.com