Projeto de turismo rural avança em Cascavel

Publicidade

O Projeto de Desenvolvimento do Turismo Rural do Paraná está avançado em Cascavel. Idealizado como projeto em uma parceria conjunta pela UNIOESTE, envolvendo representantes das Secretarias de Desenvolvimento Econômico de Cascavel, Ubiratã e Guaraniaçu e também da Agência de Desenvolvimento turístico do Oeste do Paraná (ADETUR OESTE), foi uma das propostas selecionadas e financiadas pelo Programa CONECTADEL e Parque Tecnológico de Itaipu (PTI) no ano de 2018 e a partir daí começou a ser executado. Tendo a UNIOESTE como instituição coordenadora, o projeto mapeou 45 propriedades rurais nos três municípios, sendo 15 em Cascavel, com potencial para o Turismo Rural.

As primeiras placas de sinalização do projeto a serem disponibilizadas  aos empreendedores rurais foram entregues pela professora Luciana Fariña, coordenadora do Projeto, que, em conjunto com as Secretarias de Desenvolvimento Econômico dos municípios, está realizando a distribuição aos beneficiados.

No total, serão 30 placas indicativas em Cascavel que possuem a inovação das rotas em QR Code, que ajudará o turista a se localizar para chegar até as propriedades rurais. Basta fazer a leitura com celular que indicará um mapa com a localização completa de a propriedade rural. “A leitura irá traçar a rota pra chegar ao local”, diz o secretário de Desenvolvimento Econômico, Alcione Gomes. Além das placas, em breve, os empreendedores rurais e os turistas da região serão beneficiados por um site que apresentará detalhes de cada propriedade rural.

Alcione destaca que Cascavel possui um grande potencial de turismo rural a ser explorado. Experiências como banho de cachoeira, tomar um bom café colonial, passear em bosques e cavalgadas, entre outros, estarão na rota dos turistas que poderão desfrutar do convívio com a natureza.

“É um projeto que tem potencial e que entendemos que vai se tornar um grande atrativo no futuro, uma vez que Cascavel tem grandes belezas naturais para serem mostradas nas propriedades rurais e isso também é uma forma de incrementar a renda do produtor”, observa.

As informações são da Secretaria de Comunicação do Município.