SOBRE NÓS

Conheça nossa história

A Rede de Turismo Regional (RETUR) surgiu, em 1998, na região de Campo Mourão, a partir da implantação do Programa Nacional da Municipalização do Turismo (PNMT), com a realização do I Seminário Estratégico “Rede de Turismo Regional”. Em 06/10/2003 a entidade foi certificada como Organização da sociedade civil de interesse público (OSCIP). Com o surgimento de empreendimentos rurais no turismo, em 2000, a RETUR criou o Grupo de Empreendedores de Turismo no Espaço Regional (GETER). A iniciativa ganhou o caráter de uma verdadeira Escola para Empreendedores do Turismo e tem ampla visibilidade com edição de mapas indicativos de lazer, para promoção e comercialização do segmento com abrangência macro-regional.

Cabe registrar que o GETER foi e tem sido objeto de monografias e teses acadêmicas pelo significado histórico na integração empresarial rural em uma Rede de Negócios do Turismo.

A RETUR é pioneira na Regionalização do Turismo Sustentável com o Projeto Costa Rica, que abrange os municípios lindeiros ao rio Paraná e Paranapanema: Querência do Norte, Porto Rico, São Pedro do Paraná, Nova Londrina, Marilena, Diamante do Norte, Terra Rica, Inajá, Jardim Olinda, Itaguajé e Santo Inácio. Ao assumir tal desafio a RETUR vem dedicando-se intensamente, conquistando e mantendo importantes parcerias com as prefeituras municipais, iniciativa privada e sociedade organizada.

Em 2006 a entidade iniciou o Projeto Corredor do Ivaí que abrange vários municípios desde sua nascente em Prudentópolis a sua foz em Querência do Norte/Icaraíma. Esta iniciativa conquistou, junto à Assembleia Legislativa do Paraná, a Lei nº 15.666/2007 – instituindo 21 de abril como o “Dia Estadual do Rio Ivaí”.

A Rede de Turismo Regional é qualificada como OSCIP – Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, instituição sem fins lucrativos, de caráter social, de direito privado com autonomia administrativa e financeira regendo-se pelo estatuto e pela legislação nos termos da lei número 9.790/99, em 06 de outubro de 2003.

Responde pela Instância de Governança do Turismo Corredores das Águas (Noroeste do Paraná), junto ao Ministério do Turismo e Secretaria Estadual e do Esporte e Turismo / Paraná Turismo – desde novembro de 2006, sendo mentora da expressão Corredores das Águas, o que oferece identidade turística por meio da força de seus grandes rios.

CONQUISTAS DA ENTIDADE

Nosso objetivo é trabalhar pelo progresso do Paraná

06/10 – Dia do Turismo Regional

A data representa a qualificação da RETUR como OSCIP. O projeto inspirou o deputado Douglas Fabrício (PPS) a criar o Dia do TURISMO REGIONAL, pela lei 17.182/2012. A proposta ressalta o Paraná como o primeiro estado brasileiro a reconhecer a importância do Turismo Regional. Mais do que uma data, é uma certificação da sustentação da atividade como negócio.

INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES

Tudo o que você precisa saber está aqui

VISÃO

Ser a instituição referência do desenvolvimento do Turismo Regional com cultura empreendedora, educacional e organizacional no trabalho em rede.

MISSÃO

Atuar por desafios e interesses comuns, desenvolvendo competências, integrando lideranças mediante projetos com ações de transformação social pela geração de renda e valorização das pessoas pelo desenvolvimento do Turismo.

 

CONVENIADA JUNTO ÀS INSTITUIÇÕES

UEM – Universidade Estadual de Maringá

UNESP / SP – Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho / Rosana

 

REPRESENTATIVIDADE NOS CONSELHOS

Conselho Paranaense do Turismo – CEPATUR

Conselho Municipal do Turismo de Maringá

Conselho Consultivo da APA Federal da Ilhas e Várzeas do Rio Paraná do Corredor Caiuá – Ilha Grande

Comitê da Bacia Hidrográfica do Baixo Ivaí e Paraná I

Mantenedor do Maringá e Região Convention & Visitors Bureau

 

RECONHECIMENTO LEGAL

Reconhecida com a Lei Utilidade Pública Estadual 17.142/2012 e Utilidade Pública de Maringá pela Lei 8653/2010

 

CORPO TÉCNICO

Agroindústria Familiar: Jamil Bernis

Artesanato Turístico: Cleide Mattos

Assessoria de Comunicação: Trevo Comunicação e Negócios

Ciclismo Urbano: Gustavo Carvalho

Cultivo de Flores: Júlio Hamamoto

Empreendedorismo Social: Cleibson Moreira da Silva

Gestão de Projetos: Wanda Pille

Técnicas em Fotografia: Anderson Theodoro e Paulo Moro

Turismóloga: Patrícia Barros Schiavoni

Turismo Rural: José Rivaldo dos Santos

Planejamento Ambiental: José Carlos Stevaux

Planejamento Estratégico: Fernande Miyata